Notícias

Construção da ala de radioterapia do Santo Antônio será retomada

  07 de Jan de 2021 ás 17h 01min


A ala de radioterapia será custeada toda pelo Governo Federal que destinou R$11 para a sua construção. No entanto, a empresa vencedora do primeiro certame, que iniciou a obra ainda em 2018 (outubro

O Hospital Santo Antônio inicia o ano de 2021 levando boas notícias aos pacientes oncológicos de Sinop e de toda a região do médio Norte até o Sul do Pará que atende. De acordo com o seu diretor Wellington Randal, a boa nova consiste na oficialização, por parte do Ministério da Saúde, a contratação da nova empresa responsável por dar continuidade e terminar a ala de radiologia e braquiterapia do hospital.

Com a conclusão desta obra e nova ala, o hospital passará a oferecer um tratamento completo contra o câncer, pois até então, o paciente que necessita desse tipo de recurso precisa procurar a capital do Estado.

Referencia na luta e no tratamento contra o câncer para toda uma região, o Hospital Santo Antônio fechou o ano de 2020 com números bastante expressivos nesse setor. Foram realizadas 4.398 consultas e mais de 4,6 mil quimioterapias. Se somado, o registro de casos cirúrgicos também ultrapassa a casa de 300 (276 cirurgias / 24 cistocopia).

A ala de radioterapia será custeada toda pelo Governo Federal que destinou R$11 para a sua construção. No entanto, a empresa vencedora do primeiro certame, que iniciou a obra ainda em 2018 (outubro) abriu falência e paralisou a obra. Já a nova empresa vencedora da licitação, a Construtora Brilhante que tem sede na capital do Amazonas, diz que quer iniciar a obra o mais rápido possível e entregar o mais rápido possível. Ela receberá R$6,7 milhões para dar continuidade, finalizar e entregar a obra, dando um novo direcionamento na história do tratamento contra o câncer, em Sinop, e os pacientes do Santo Antônio.